Empresário é morto com 14 tiros em Maringá

362

O principal suspeito é um ex-sócio da vítima.

O crime de homicídio foi registrado no início da noite de quinta-feira (4) na rua Rio Mamoré, no Jardim Novo Oásis, em Maringá. O empresário André Rodrigo Tiago, de 39 anos, foi morto a tiros quando chegava em frente de sua casa.

André ainda estava dentro do seu carro quando foi surpreendido pelo atirador que descarregou uma pistola na vítima. Tiros foram disparados contra o vidro do lado do motorista e no para-brisa dianteiro do Toyota Etios. O suspeito fugiu em um Fiat Uno Mille de cor branca.

O principal suspeito do crime é Hemerson Alaor Simoni Queiroz, de 32 anos, morador do Jardim Ebenezer, em Maringá. Hemerson já foi sócio de André Rodrigo em uma empresa de merchandising. André depois de um determinado tempo decidiu abrir sua própria agência e trabalhar por conta.

André Rodrigo Tiago

No início da semana André Rodrigo procurou o plantão da Polícia Civil de Maringá onde registrou um boletim de ocorrência contra Hemerson por lesão corporal. No B.O feito pela vítima dizia que Hemerson foi até a empresa de André na rua Rio Taperoá e lá ameaçou André e outros três funcionários da vítima.

Além da ameaça sofrida, André Rodrigo ainda ficou machucado por ter sido atingido por um golpe de barra de ferro. Hemerson Alaor tinha sido intimado para comparecer na semana que vem para dar explicações sobre a ameaça contra André.

Hemerson Alaor Simoni Queiroz – Suspeito

Hemerson estaria com raiva porque estaria perdendo clientes de empresas grandes que estavam negociando com a agência de André. O motivo seria esse, segundo funcionários da vítima. O corpo de André Rodrigo foi encaminhado para o IML de Maringá. André Rodrigo era casado e tinha dois filhos.

(Informações e imagens: André Almenara)

 

VEJA O VÍDEO DO MOMENTO DA EXECUÇÃO