Jandaia: Elemento foi preso por estupro e atentado violento ao pudor

411

Um indivíduo de 23 anos foi preso em Jandaia do Sul nesta segunda-feira (07), acusado de estupro e atentado violento ao pudor.

A ocorrência aconteceu no Distrito de Pirapó, município de Apucarana.

A equipe da Polícia Militar foi acionada por uma mãe, a qual relatou que, chegou em sua residência e percebeu sua filha, chorando e com diversos sinais de mordida, beliscões e de agressões.

Ao ser questionada ela relatou que seu ex namorado, esteve em sua residência, e a convenceu a abrir o portão. Já dentro de casa, passou a agredi-la e dizer que, para cada coisa que ela fazia que lhe desagradasse, ele iria mordê-la, beliscá-la e agredi-la.

A polícia, constatou diversos sinais de agressões na vítima, sendo; no rosto, nas costas, nas pernas, braços e seios. E esta, acabou dizendo que seu ex namorado, a agrediu, e a constrangeu a ter relações sexuais com ele, mediante violência e ameaça.

A equipe questionou sobre quais seriam as agressões e ameaças, ela relatou que além de tapas, mordidas e beliscões, ele a ameaçava dizendo que se ela gritasse ele iria agredi-la e ainda, disse que ele teria até as 17 horas para ficar lá com ela e que caso ela não permitisse o ato, ele a jogaria pela janela. Após o ato, o acusado se evadiu para o município de Jandaia do Sul, onde mora.

Então, a equipe informou a central de operações, que fizeram contato com a equipe policial do município de Jandaia do Sul para que efetuassem diligências em busca do suposto autor dos fatos.

O elemento foi localizado por uma equipe da ROTAM da 2a Cia de Jandaia, dada a voz de abordagem a ele que foi conduzido até a 17a SDP da cidade de Apucarana, para que fossem tomadas as medidas cabíveis.