Polícia Militar recebeu denúncia de porte de arma e outras chamadas

178

A Polícia Militar está sempre aposta a atender a comunidade em suas solicitações, mesmo que não se confirme o fato:

Ontem à tarde, por volta das 14 horas, a Polícia Militar de Cambira, foi solicitada a comparecer em uma pracinha, localizada na Avenida Itália, onde segundo as informações teriam dois indivíduos aparentando ser andarilhos e que um deles estava em posse de uma arma de fogo, tipo revólver.

A equipe policial foi ao local e encontrou apenas um senhor deitado na praça, embriagado, não portava documentos, não sendo possível sua identificação. E ao seu lado foi localizado uma arma de brinquedo, mas não havia condições de questionar o abordado, devido ao estado de embriagues.

O brinquedo foi recolhido e o abordado liberado no local.

Já próximo às 20 horas, os policiais Sobiecki e Gouveia, que estavam de serviço, foram acionados para atender uma situação, no Residencial Bela Vista, onde um vizinho afirmou que teria ouvido gritos vindos da casa ao lado. Ele suspeitava que a mulher estivesse apanhando do marido.

Foi realizado contato com a mulher e ela relatou que não ocorreu nenhuma discussão na residência e que o seu marido estaria dormindo, pois, ele trabalha durante a noite.

E nessa madrugada gelada por volta das 02h30, a equipe deslocou a Estrada Dourados, Prá Frente da Fazenda Alvorada para atender uma situação de furto de cavalo, onde os indivíduos estariam seguindo sentido à Cambira ou Jandaia do Sul.

No local os policiais fizeram contato com o solicitante, e esse relatou que um vizinho teria feito contato com ele pedindo para que ligasse no 190 para informar que ouviu barulho em sua propriedade e estava desconfiado de que teriam furtado cavalos, mas devido a extensão da propriedade, só seria possível a averiguação do fato quando amanhecesse.

Realizado patrulhamento pela extensão da via, nenhum cavalo ou indivíduo foi encontrado.